Ocorreu um erro neste gadget

quinta-feira, 10 de maio de 2012

Essa nossa vida passa, mas o amor que vivemos não.


'O motivo das pessoas desistirem tão rapidamente umas das outras é porque elas olham pra frente e se perguntam: será que vale a pena? Elas se esquecem de olhar pra trás e verificar o tamanho do que construíram juntas.'


Para tudo há seu tempo.Na solidão, queremos o aconchego de alguém.Na saudade, ansiamos o reencontro.No desânimo, a necessidade de um abraço.Na ansiedade, procuramos o AR.Na indiferença, o amor próprio e a autoestima.

Para o amor (o de verdade), um segundo.. ou um ano. Ou o tempo suficiente para decidir sobre questões, escolhas, renovação, transcendência, direções.. 

O tempo da aquietação do coração.O tempo da persistência.


Essa nossa vida passa, mas o amor que vivemos não.




Nenhum comentário:

Postar um comentário