Ocorreu um erro neste gadget

quinta-feira, 15 de julho de 2010

Psicologia Social


A psicologia social aborda as relações de um grupo social, portanto se encontra na fronteira entre a psicologia e a sociologia. Ela busca compreender como o homem se comporta em suas interações sociais. Porém, a psicologia social e a sociologia partem de ângulos teóricos diversos. Enquanto a psicologia destaca o aspecto individual, a sociologia se atém à esfera social.

O que a psicologia social faz é revelar os graus de conexão existentes entre o ser e a sociedade à qual ele pertence, desconstruindo a imagem de um indivíduo oposto ao grupo social.

Um conceito básico dessa disciplina é que as pessoas, por mais diversificadas que sejam, apresentam socialmente um comportamento distinto do que expressariam se estivessem isoladas, pois imersas na massa elas se encontram imbuídas de uma mente coletiva.

É esse fator que as leva a agir de forma diferente da que assumiriam individualmente.

A psicologia social também estuda o condicionamento - processo pelo qual uma resposta é provocada por um estímulo, um objeto ou um contexto, distinta da réplica original - que os mecanismos mentais conferem à esfera social humana, enquanto por sua vez a vivência em sociedade igualmente interfere nos padrões de pensamento do homem. Esse ramo da psicologia pesquisa, assim, as relações sociais, a dependência recíproca entre as pessoas e o encontro social.

Nenhum comentário:

Postar um comentário